SEMA Governo do RS
Porto Alegre, 23 de Agosto de 2014
COMUNICAÇÃO:
Governo define próximas etapas do Inventário Florestal do RS
Publicação: 11/09/2013 - 16:43

A Secretaria Estadual do Meio Ambiente (Sema) acertou, nesta quarta-feira (11), um cronograma para as próximas etapas do Inventário Florestal do Rio Grande do Sul, já em andamento. Em reunião realizada na sede da pasta, com representantes do Serviço Florestal Brasileiro (SFB) e do Ministério do Meio Ambiente (MMA), a Sema formalizou a prioridade dada ao processo licitatório para a contratação de empresa que fará o inventário nas regiões Nordeste e Metropolitana do Estado.

"O governador já havia autorizado os recursos para essa etapa, aproximadamente R$ 1,2 milhão, e como o Inventário Florestal está associado ao Zoneamento Ecológico Econômico (ZEE), um projeto estratégico, acreditamos que os trabalhos começarão em breve", afirmou o titular da Sema, Neio Lúcio Fraga Pereira. Segundo ele, a metodologia que será aplicada na coleta de dados e na análise de imagens, paisagens e tipos de ocupação do solo nessas regiões é a mesma utilizada pelo SFB, incluindo pontos de atuação separados a cada 20 quilômetros.

No encontro desta quarta-feira, Sema e SFB também definiram como será feita a troca de informações entre as duas instituições, o que permitirá a consolidação do levantamento. Ficou acertado que, em novembro, essa sistemática será formalizada com a assinatura de um acordo de cooperação. A partir disso, as informações levantadas pelos Governos do Estado e União serão agrupadas e revisadas para publicação.

Também participaram da reunião pela Sema o diretor do Departamento de Florestas e Áreas Protegidas (Defap), Junior Piaia, o chefe da Divisão de Cadastro Florestal (DCF), Luciano Garske, além do chefe da Unidade Regional Sul do SFB, Gilson de Souza.

Levantamento começou no Noroeste

O Inventário Florestal no Estado está em pleno andamento. Técnicos contratados pelo MMA estão na fase final do trabalho na região Noroeste. Logo após, as equipes financiadas pelo Governo Federal farão a coleta de dados em mais quatro regiões (Centro Oriental, Centro Ocidental, Sudoeste e Sudeste) delimitadas para essa iniciativa. O inventário, previsto no Código Florestal Estadual como instrumento de política pública, deve ser realizado a cada cinco anos.

As informações desse levantamento são a base para o planejamento do uso dos recursos florestais. Por meio do inventário é possível a caracterização de uma determinada área e o conhecimento quantitativo e qualitativo das espécies nativas e exóticas que a compõe. Isso garante uma gestão florestal mais qualificada, em especial no que diz respeito a florestas protegidas, manejos e repovoamentos, quando necessários.

 
Secretaria do Meio Ambiente do Estado do Rio Grande do Sul
Avenida Borges de Medeiros, 261 - Centro Cep: 90.020-021
Telefone: (0xx51) 3288-8100 - Desenvolvido pela PROCERGS
Brasão do Rio Grande do Sul  
Portal da Secretaria do Meio Ambiente
Envie este conteúdo por E-mail Se desejar enviar para mais de um destinatário, separe os e-mails com (;) ponto-e-vírgula.

Nome do remetente:
E-mail do remetente:
E-mail(s) destinatário(s):
Comentário:


Secretaria do Meio Ambiente do Estado do Rio Grande do Sul
Rua Carlos Chagas, 55 - 9º andar - Centro Cep: 90.030-020
Telefone: (0xx51) 3288-8100